Gestão Ambiental

Atualmente, a geração de resíduos pelas diversas atividades humanas constitui-se em um grande desafio a ser enfrentado pelas administrações municipais, sobretudo nos grandes centros urbanos. Tais desafios têm gerado políticas públicas e legislações, tendo como eixo de orientação a sustentabilidade do meio ambiente e a preservação da saúde. Grandes investimentos são realizados em sistemas e tecnologias de tratamento e minimização.

Desde o início da gestão SPDM – Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina, a Rede Assistencial da Supervisão Técnica de Saúde do Butantã possui comissões do Plano de Gerenciamento de Resíduos dos Serviços de Saúde e Biossegurança, que desenvolvem um trabalho sério e contínuo de gerenciamento de resíduos, na busca pela segregação correta e garantia de uma destinação final adequada, seguindo as exigências da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), definidas na RDC 306 e CONAMA 358/05. Tal comprometimento visa a envolver os colaboradores e usuários.